Somente Deus é soberano

“Ninguém pode vir a mim se o Pai, que me enviou, não o trouxer; e eu o ressuscitarei no último dia. Está escrito nos profetas: E serão todos ensinados por Deus. Portanto, todo aquele que da parte do Pai tem ouvido e aprendido, esse vem a mim.” João 6:44,45

“Ninguém pode forçar uma única alma a se voltar para Cristo. Tudo o que podemos fazer é levantar Cristo diante do mundo, levá-lo onde não é conhecido, apresentá-lo a estranhos, contar a todos sobre Ele e viver tão perto dEle e nEle que outros possam ver que Jesus é uma pessoa real.” Betty Stamm


Com Jesus em Intercessão: “Senhor, a parceria na missão é a estratégia e prática de nossa submissão compartilhada contigo como Senhor. Com muita frequência priorizamos e preservamos nossas próprias identidades (étnicas, confessionais, teológicas etc.) e não submetemos nossas paixões e preferências a Ti. Sua supremacia e centralidade em nossa missão deve ser uma confissão de fé, e deve também governar nossa estratégia, prática e unidade. Nenhum grupo étnico, nação ou continente pode reivindicar o privilégio exclusivo de ser os que completam a Grande Comissão. Só Deus é soberano. Em submissão a Cristo, deixemos de lado a suspeita, a competição e o orgulho e estejamos dispostos a aprender com aqueles que Deus está usando, mesmo que não sejam de nosso continente nem de nossa teologia particular, ou de nossa organização, ou de nosso círculo de amigos.” Movimento de Lausanne


– Hostilidade. Falar de perseguição a cristãos é falar de hostilidade contra uma pessoa ou comunidade por se identificar com Jesus Cristo. O segundo país mais populoso do mundo foi testemunha de uma violência recorde em 2021. Hoje, na Índia, uma média de 73 cristãos por dia são maltratados por sua fé. Cerca de 26.774 crentes enfrentaram abuso físico, psicológico, emocional ou espiritual, 20 deles foram assassinados. E isso são apenas os incidentes denunciados. Sua intercessão é vital para que os perseguidos tenham coragem. Que a presença do Senhor seja derramada em meio à oposição. Fonte: Portas Abertas.


– Afeganistão. Apesar da resistência e da oposição àqueles que se reconhecem como seguidores de Jesus, obreiros que ainda caminham por essas terras preveem um enorme crescimento da igreja afegã nos próximos 5-10 anos. Eles ensinam aos afegãos como eles podem conhecer Jesus, como entender seus ensinamentos. A outra contribuição vem dos canais de rádio, televisão e redes sociais. Convidamos você a orar pela igreja afegã, porque o único que pode mudar os corações é Jesus, o único que pode parar os ataques que continuam se perpetuando, é Jesus. Proclame Jesus dentro do Afeganistão.


– Egito. Estar em conexão com obreiros em diferentes lugares nos aproxima da realidade em que vivem. Não deixe de se conectar com eles, de interceder, de se fazer presente com suas finanças e outras formas. Isso nos relata uma obreira, para que continuemos orando pelo Egito. Nesse caso, “a igreja está crescendo, mudando e sendo superada em número por nossas crianças. É uma alegria ver a segunda geração de crianças da igreja doméstica conversando sobre Jesus, e nos maravilhamos com a forma como Deus está multiplicando frutos frescos, novos e cheios dEle”. Obrigado por orar pelos obreiros. Lucas 10.2: coloque um alarme e ore.


Interceda por Etnias Não Alcançadas

– Mamak Talang, na Malásia

A maioria dos Mamak funde crenças animistas e islâmicas. Os Mamak acreditam que descendem de um dos nove filhos de Adão e Eva. A Malásia tenta fazer com que os povos tribais se convertam em muçulmanos, e o trabalho cristão entre eles não é bem-vindo. Há necessidade de guerreiros de oração, batendo nos portões do céu pelo povo Mamak. Ore para que a justiça e a retidão de Deus prevaleçam na sociedade desse grupo de pessoas.


– Budistas Rakhine, de Mianmar

São relatadas 19 mil pessoas em Bangladesh e 2.739.000 em Mianmar. Permanecem não alcançados no grupo de etnias de fronteira. Quase todos os Rakhine são budistas ferrenhos. Evangelistas locais e missionários de outros grupos étnicos em Mianmar realizam algumas atividades de divulgação entre eles, sem muito sucesso. Como eles falam uma variedade fora do padrão de birmanês, provavelmente podem usar de forma adequada a Bíblia birmanesa como literatura escrita. Ore pelo homem de paz entre eles. Ore por obreiros com estratégias para apresentar o Evangelho a eles.


 

The following two tabs change content below.

Mary Fernández

Latest posts by Mary Fernández (see all)

Comments are closed.