Quem é um piloto missionário?

Por Tori Williams

Os pilotos missionários enfrentam anos de treinamento para causar um grande impacto no mundo.

Há alguns dias, um amigo meu anunciou que havia sido aceito em um estágio na Mission Aviation Fellowship (MAF). Ele passará um verão em Lesoto, na África, trabalhando estreitamente com suas operações de voo para transportar remédios, suprimentos e pastores para aldeias remotas nas montanhas. De todos os estágios que meus amigos anunciaram ultimamente, esse realmente me impactou. Viajar para uma terra completamente estrangeira para usar suas habilidades na aviação com o único propósito de difundir o Evangelho é algo realmente corajoso!

Quando escutei isso, comecei a me perguntar como as pessoas acabavam tornando-se pilotos missionários. Certamente não é um campo de carreira que é anunciado na universidade de voo. Pode-se fazer uma menção aqui ou ali, mas é raro encontrar alguém que tenha o objetivo final de se tornar um deles. Por que acontece isso? Claramente, existe a necessidade de usar as tecnologias e capacidades modernas que temos para ajudar aqueles que, sem elas, não conseguem acessar algo importante. No entanto, como aprendi, não é tão simples colocar um piloto em um avião com alguns suprimentos e decolar.

No coração da necessidade de pilotos missionários está o fato de algumas pessoas no mundo viverem em áreas extremamente remotas e empobrecidas. A maioria dessas pessoas nunca viu um avião e muito menos pensou em construir um aeroporto que funcionasse. Por causa disso, os pilotos missionários, com frequência, precisam pousar em qualquer terreno mais ou menos adequado que possam encontrar. Isso pode muito bem ser uma faixa de terra particularmente longa, aninhada em uma cadeia de montanhas. Esses pilotos pousam com habilidade nesses lugares perigosos e transportam qualquer coisa que as pessoas possam precisar, como médicos, pastores e até mesmo comestíveis.

Os pilotos missionários que voam para lugares remotos têm que estar preparados para qualquer coisa que possa dar errado. Eles são obrigados a ter certificações de piloto, bem como certificações mecânicas avançadas. Não existe um “dia típico” na vida de um piloto missionário e, por isso, eles devem estar bem preparados para todas as possibilidades. Muitos aspirantes a pilotos missionários escolhem preparar-se para o futuro buscando a aprendizagem em instituições de treinamento estabelecidas. O Programa de Aprendizado dos Serviços de Manutenção Missionária (MMS), por exemplo, é um ministério intensivo de manutenção de aviação, que dura 30 meses em período integral e prepara os alunos para a vida missionária.

Outro fato interessante sobre os pilotos missionários é que eles precisam buscar seu próprio apoio financeiro para servir em suas funções. Eles fazem isso por meio de conexões com igrejas e indivíduos. Às vezes pode levar anos para levantar o dinheiro necessário para realizar a missão onde ela é necessária. Felizmente, a maioria das organizações missionárias tem uma rede de apoio, da qual pilotos e mecânicos podem fazer parte.

Pode parecer loucura passar por todo esse treinamento apenas para ter que levantar seus próprios recursos para ir em uma missão. A realidade é que isso não importa para aqueles que sentem que foram chamados para servir ao Senhor dessa maneira. Eles se deleitam ao longo do processo para finalmente compartilhar sua experiência com os necessitados. Eles são capazes de fazer uma mudança real e tangível no mundo para melhorá-lo. No final, acho que não consigo encontrar um piloto missionário que pense que não valeu a pena.

Tori Williams é uma pilota de primeira geração, em vias de se tornar uma aviadora profissional. Obteve seu certificado de pilota particular algumas semanas depois de completar 18 anos e atualmente está trabalhando em qualificações de instrumento, multimotores, CFI e comercial na Eastern Kentucky University. Ela é membro ativa das organizações Ninety-Nines e Mulheres na Aviação Internacional, e recebeu uma bolsa da Ninety-Nines para concluir seu treinamento de pilota privada.

Fonte: Global Air

 

The following two tabs change content below.

Martha Claros

Diretora da Área de Comunicação - COMIBAM Internacional

Latest posts by Martha Claros (see all)

Comments are closed.