Mobilização Missionária Infantil

Entrevista de Danilo Zuhul

1. Por que semear o tema de missões no coração das crianças?

  • Porque na Bíblia vemos nosso Deus atuando em sua Missão através de crianças (direta e indiretamente) e também porque a Grande Comissão expressa por Jesus faz um convite a toda a igreja, a qual também inclui a infância (2 Reis 5:1-4; Atos 1:8).
  • Porque as crianças são receptivas à obra de Deus, sentem compaixão e conseguem desenvolver paixão por comunicar as Boas Novas a outros.
  • Porque elas podem desfrutar como uma Aventura a oportunidade de aprender sobre as pessoas, culturas e diversos estilos de vida que existem em nosso mundo.
  • Porque são uma potência em formação e desenvolvimento. Se as ensinamos a orar, dar e ir agora que são pequenas, elas continuarão fazendo isso para sempre.
  • Porque são a geração que nos substituirão. São elas que continuarão com a obra missionária transcultural da igreja local.

 2. Sabemos que muitos missionários que servem no campo foram chamados em sua infância. Que comentário o senhor tem a respeito?

Creio firmemente que o Espírito Santo sempre tem feito essa obra em toda a história da humanidade e a seguirá fazendo, especialmente tocando os corações e provocando paixão desde tenra idade. Recordo-me, na minha infância e adolescência, de muitos missionários que chegaram à minha igreja e compartilharam suas experiências de como também Deus os havia chamado em sua infância. Era muito emocionante, pois não somente tínhamos que usar nossa imaginação, tratando de saber quem e como era um missionário, relatado a partir de uma lição e em sua maioria de séculos passados, mas agora o tínhamos em nossa igreja ao vivo e com todas as cores.

Assim, como Igreja de Cristo, precisamos dar a importância devida ao agir do Espírito nas novas gerações em nossas congregações, e formá-las com entendimento também da obra missionária. Esperar que tenham mais idade para ensinar a elas sobre a Missão de Deus é perder um grande potencial no avanço da extensão do Reino de Deus (ainda que nosso Senhor tenha tudo sob controle).

Portanto, está em nossas mãos cultivar e desenvolver essa sementeira preciosa de missionários que temos na Igreja do Senhor (ministérios infantis, escolas dominicais, igrejas infantis ou como a chamem), para que comecem a servir desde pequenos e que, em seu momento, decidam fazê-lo em tempo integral. Do contrário, mais adiante poderíamos lamentar muito.

3.  Que estratégias se devem aplicar na igreja para envolver as crianças em missões?

  • Que toda a Igreja (pastores, pais, líderes) possa estar consciente da grande importância de ensinar sobre missões às crianças, e saber a visão de Deus a respeito, criando um compromisso firme e constante, de geração a geração.
  • Formar a liderança respectiva, para que possa conduzir as crianças nessa Aventura Missionária. Tal capacitação deve ser constante e incluir as bases fundamentais para organizar e desenvolver a obra missionária com a infância, como por exemplo: um nome do programa ou ministério, visão e missão, logo e slogan, objetivos, metas, maneiras práticas de orar, dar e ir, o currículo a seguir nos ensinamentos e como realizar as diversas atividades, entre outras.
  • Proporcionar às crianças oportunidades para que participem: Orando, Dando e Indo.

4. De que maneira prática podemos envolvê-las?

 4.1 Semeando nas Crianças o Desejo de Cumprir a Missão – Conhecimento

a) Ofereça informação desde a infância

  • Organize um culto missionário com as crianças (pode ser mensal ou trimestral)
  • Por meio da Palavra de Deus
  • Histórias Missionárias
  • Exposição de fotos, notícias, revistas, vídeos
  • Canções missionárias
  • Missionários que visitem as crianças e contem suas experiências
  • Participem em serviços missionários
  • Alimentar na criança o desejo de cumprir a missão
  • Que saibam que elas também devem participar

b) Permitir que a Criança investigue sobre necessidades locais e mundiais

  • Apresentar um tema ou país específico para que busquem os recursos em jornais, revistas, livros, vídeos ou Internet.
  • Usar a biblioteca
  • Encorajá-las a conhecer mais da geografia e cultura de países
  • Jogos ou competições sobre a localização de países
  • Exposição de fotos ou notícias de certo país

  4.2 Envolvendo a Criança no Cumprimento da Missão – Participação

a) Fornecer atividades para que participem

  • O culto missionário com as crianças (pode ser mensal ou trimestral)
  • Ensinar-lhes a testificar a seus amigos sobre Jesus
  • Servir na igreja (limpeza, cantando, orando, dramatizando, etc.)
  • Passeios em lugares necessitados (asilos de idosos, crianças especiais, hospitais)
  • Participar no serviço missionário (trajes, dramas, desfiles, etc.)
  • Viagem missionária dentro ou fora da cidade (providenciar uma experiência transcultural)

b) Inspirá-las a Orar pelas necessidades – (ANTES DE ORAR)

  • Uma vez ao mês ou a cada três meses apresentar um país ou um projeto missionário, e orar por ele constantemente.
  • Necessidades específicas – mostrar fotos ou vídeos
  • Por missionários que conhecem – mostrar fotos de missionários
  • Caminhada de oração em um lugar especial
  • Por países, grupos étnicos, grupos homogêneos
  • Por problemas nacionais

c) Motivá-las a Ofertar

  • Que conheçam necessidades atuais
  • Elas podem dar mais do que se espera se são tocadas
  • Fundo especial
  • Oferta de amor-oferta de sacrifício
  • Providencie algum recipiente especial onde depositem a oferta pessoal mensal
  • Podem enviar sua oferta a um missionário ou filhos de missionários em especial e que as crianças saibam para onde está indo sua oferta e como é utilizada

 4.3 Formando uma Criança comprometida em Cumprir a Missão – Conservando

  • Dedicação de sua vida ao serviço de Deus
  • Conserve o chamado com histórias missionárias
  • Permita que participem em atividades missionárias
  • Ore pela criança e mantenha o fogo de seu coração

5. Qual é o trabalho que o senhor desenvolve como Coordenador de Mobilização Infantil no COMCA?

Facilito a orientação e capacitação das igrejas cristãs na América Central, por meio dos respectivos movimentos missionários nacionais, fazendo uso do programa “MESTRES EM MISSÕES”, que está à disposição para a Mobilização Missionária Infantil, por meio de seminários, oficinas ou congressos para líderes. Assim também, diversas atividades nas quais participam diretamente as crianças para conhecer, aprender e aplicar tudo o que for relacionado ao trabalho missionário, tais como: congressos missionários infantis, tour missionário, olimpíadas missionárias, cultos e acampamentos missionários, entre outros.

 

A VISÃO de MESTRES EM MISSÕES

Que os professores de crianças sejam participantes, juntamente com as crianças, tanto com seus joelhos como com suas mãos e pés, no cumprimento da Grande Comissão.

A MISSÃO de MESTRES EM MISSÕES

Mobilizar, preparar e equipar professores para envolver os meninos e as meninas na obra missionária transcultural.

6. O senhor tem algum comentário adicional?

Permitam-me expressar-me que dentro do ministério de Jesus na terra, ele “se preocupou” com a humanidade, especialmente que tivessem líderes que a conduzisse ao caminho correto. Lemos em Mateus 9: 36-38: “Vendo ele as multidões, compadeceu-se delas, porque estavam aflitas e exaustas como ovelhas que não têm pastor. E, então, se dirigiu a seus discípulos: A seara, na verdade, é grande, mas os trabalhadores são poucos. Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua seara”.

Estou convencido que entre essas multidões confundidas e desamparadas também se encontram a infância e a adolescência, e, portanto, em nossa oração devemos pedir que haja professores, líderes e pastores de crianças que atendam holisticamente a suas necessidades, com fundamento, é claro, na Palavra de Deus. Estas novas gerações são e serão esses obreiros que tanto necessitamos, mas nos compete orar e agir em favor deles.

Estamos à disposição para servi-los na Mobilização e Formação Missionária Infantil.

E-mail:  minvidadany@gmail.com

Facebook:  www.facebook.com/MaestrosenMisión

Elvis Danilo Zuhul Muñoz é guatemalteco. Há 18 anos prega, capacita e ensina crianças, jovens e adultos no Evangelho de Cristo e em Missões. Serve no Ministério Vida às Nações. Missionário para Novas Gerações e Capacitador de Liderança na América Latina. É também Coordenador de Mobilização Missionária Infantil da Cooperação Missionária da América Central COMCA.

 

 

The following two tabs change content below.

Martha Claros

Diretora da Área de Comunicação da COMIBAM

Comments are closed.