Em um relacionamento correto

“Aquele que não cometeu pecado, ele o fez pecado por nós, para que nele nos tornássemos justiça de Deus”. 2 Coríntios 5:21.

“É somente porque Ele se tornou como nós que podemos nos tornar como Ele.” Dietrich Bonhoeffer


Com Jesus em Intercessão: Quando saio para correr, se não tenho cuidado, automaticamente meus olhos se concentram no chão diante dos meus pés. Olhar para baixo é um instinto de autoproteção. O problema é que olhar para meus pés me ajuda a evitar buracos, mas não galhos de árvores ou carros. Não é mais seguro, pois posso ver onde estou, mas não para onde estou indo ou o esplendor do mundo ao meu redor; perco o amanhecer. Em minhas interações com missionários, pessoal de agências de envio, líderes de igrejas e crentes com espírito de missão, temo que muitas vezes fiquemos olhando para nossos pés em vez de fixar nossos olhos na gloriosa missão redentora que nosso Senhor nos chamou para realizar. Steve Richardson


Pelas crianças em risco: Mais de 200 milhões de crianças trabalham em áreas prejudiciais à sua saúde; cerca de 3,1 milhões morrem de desnutrição; por causa do abandono, estima-se quase 140 milhões de órfãos no mundo. Entre as idades de 2 e 17 anos, cerca de 1 bilhão sofre violência física, sexual e emocional; cerca de 5,5 milhões são vítimas do tráfico; e a pobreza afeta o aprendizado e favorece problemas sociais, emocionais e comportamentais. A igreja mundial tem a responsabilidade de formar pessoas e de fornecer recursos para atender às necessidades das crianças em todo o mundo. (Extraído do infograma de Lausanne) Qual é o nosso papel? Você poderia orar por elas?


Pela Paz. Oremos pela paz de nossas nações, mesmo quando parece ser em vão, pois o Deus a quem oramos tem todo o poder. Não importa o que venha com as guerras, conflitos e perseguições; o plano mestre de Deus continua. Nossa posição de batalha não é com armas, é orando de joelhos. Mateus 24:6 diz que vamos ouvir falar de guerras e rumores de guerras, que é necessário que ocorram, mas não é o fim. Então não tenhamos medo. Estes tempos difíceis devem nos levar a conhecer mais a Deus e Sua Palavra. Submetamo-nos a Ele, pois Ele é soberano, Ele governa e Ele está no controle da história.


Por multiplicação de obreiros. Você já pensou no que Jesus nos diz hoje, quando olha para as multidões aflitas e abatidas? Certamente suas palavras seriam as mesmas de Mateus 9:37-38: “A seara é grande, mas os trabalhadores são poucos. Peçam, pois, ao Senhor da seara que envie trabalhadores para a sua seara”. Ore por vidas genuinamente transformadas que se manifestarão em um aumento de seguidores obedientes de Jesus. Ore por multiplicação dos trabalhadores que já estão no campo. Rogue ao Dono da colheita que envie obreiros para que Sua Palavra corra e seja glorificada.


Interceda por Etnias Não Alcançadas

– Chain, da Índia

São uma população de 602 mil pessoas, cuja língua principal é o bengali. O hinduísmo é praticado por 99% da população. Vivem em Bengala Ocidental, na Índia. São vegetarianos e planejam as famílias. Os Chain necessitam do Salvador Jesus. Não se conhecem evangélicos entre eles. Ore para que as plataformas de internet e gravações do evangelho ajudem a levar os Chain à salvação. Ore para que Deus dê a eles sonhos e visões que os levem a Jesus Cristo.


– Budistas Zhugqu, na China

Os tibetanos Zhugqu constituem um grupo etnolinguístico específico, com sua própria língua e costumes. Têm muitos rituais e prestam culto ao deus da montanha. Nunca foram alcançados pelo evangelho. Poucos conhecem a existência do cristianismo. Não há comunidades cristãs na região e nem constância de atividade missionária. Os Zhugqu precisam permitir que o amoroso Salvador dirija suas vidas; precisam de perdão. Ore para que seus corações sejam atraídos pelo Senhor dos Senhores.


 

The following two tabs change content below.

Mary Fernández

Latest posts by Mary Fernández (see all)

Comments are closed.