Consulta Missiológica, Vivendo e Compartilhando em Comunidade

consulta_peru

Por Sara Ypanaqué

Um tempo de reflexão e de amizade em comunidade, foi como os líderes da ACIEP qualificaram a Consulta Missiológica, que teve como tema: “A tradução da Bíblia como missão em companheirismo”. Os participantes se mostraram animados e expressaram um maior comprometimento com suas comunidades e com o papel protagonista que vêm desempenhando como líderes de associações indígenas dedicadas à alfabetização e à tradução da Bíblia em favor das comunidades minoritárias linguísticas no Peru.

Os 15 líderes de associações pertencentes à rede ACIEP – Associação Cristã Interétnica do Peru e representantes da Aliança Global Wycliffe refletiram juntos sobre os princípios de comunidade e sobre a declaração bíblica e teológica da tradução da Bíblia. Esta consulta foi realizada nos dias 10 e 11 de novembro, em Lima, Peru.

Os temas compartilhados na Consulta tiveram como propósito principal que os líderes das organizações membros da rede ACIEP recebam um novo impulso, fortaleçam seu trabalho na transformação das etnias peruanas com a palavra de Deus, ampliem seu conhecimento sobre a Aliança Global e conheçam os princípios para viver e servir em comunidade.

“Esta consulta foi importante porque me ajudou a aprofundar meu conceito de missão. Consegui entender o quanto a missão da igreja é global e abrangente. Que a tradução, alfabetização, ministério de crianças e outros são ministérios que honram a Deus”, disse Luis Cervantes, pastor das Assembleias de Deus e diretor da associação AIDIA.

“Creio que o tempo com cada irmão e irmã nesta consulta promovida pela ACIEP foi muito precioso e também o aprendizado uns com os outros. Em uma consulta se tem espaço para compartilhar uns com os outros e espaços de trabalho e reflexão sobre as mesas. Viver e compartilhar em comunidade implica também ouvir o que o outro quer expressar. Tivemos um tempo assim nestes dias, onde falamos e, ao mesmo tempo, pudemos ouvir com satisfação a cada membro da ACIEP. Os temas nos ajudaram. Estou certo de que alcançamos os objetivos propostos para a Consulta Vivendo e Compartilhando em Comunidade”, disse Paulo Oliveira, Consultor Missiólogo da Aliança Global Wycliffe.

Os participantes também se mostraram muito interessados em saber mais sobre o papel da Aliança e como ela pode beneficiar suas organizações. Um dos membros da rede apontou que “a Aliança é uma associação parceira em nosso caminho missionário para finalizar a tradução da Bíblia para a língua Wanca e outras tarefas relacionadas” e Felix Carreira Zambrano, diretor da Associação PACHA WARAY, disse: “conhecemos um pouco mais da Wycliffe. Foi uma boa experiência que cada associação tenha compartilhado o que está fazendo. Obrigado à ACIEP por coordenar o evento”.

consulta_peru1

Para as associações da rede é importante conhecer em primeira mão o trabalho da Aliança Global Wycliffe e estreitar laços de amizade e colaboração. Existe uma grande expectativa, por parte dos líderes da rede, de como a Aliança pode ajudar no fortalecimento de suas associações e na cooperação mútua.

De sua parte, a Aliança Global Wycliffe, por meio de sua diretora para a Área das Américas, Nydia García, destacou a importância dos princípios de comunidade e como eles se constituem no fundamento para a existência da Aliança, procurando compreender os contextos e as culturas para servir juntos em comunidade.

Ao final do evento, Todd Poulter, na qualidade de observador na Consulta, expressou sua satisfação pela promissora contribuição da ACIEP para a Aliança. “Vejo as relações amigáveis entre eles, seu desejo de servir, sua disposição para aprender, sua disposição para aceitar novas ideias e descobrir como dar sentido a elas em seu próprio contexto; alguém disse esta manhã: ‘somos o grupo verde, continuamos crescendo, amadurecendo’. Todos esses atributos indicam que a rede ACIEP tem muito a contribuir para a Aliança Global Wycliffe”.

Somos projetados para comunidade e esta é integral. Deus nos criou e chamou para estar em comunhão com Ele e em comunidade com os outros.

Reflexões da Consulta

Os participantes da Consulta refletiram nas mesas de trabalho, tendo como base as Sagradas Escrituras em relação à Tradução da Bíblia e em relação aos Princípios de Comunidade. A seguir, apresentamos algumas reflexões e contribuições de cada mesa:

  • Participar do movimento da tradução da Bíblia a nível global ou continental nos ajudará a envolver a igreja na tradução da Bíblia, a trocar experiências, porque a palavra de Deus é a ferramenta indispensável para a pregação do Evangelho a nível global.
  • Ser uma ponte para buscar financiamento nos programas de tradução bíblica.
  • Convidar outros irmãos de outras latitudes a participar conosco e que possam aprender o modelo de trabalho.
  • Devemos pensar e atuar de maneira global e não apenas local.
  • Promover missionários com uma visão global.
  • Voltar aos princípios bíblicos com o cumprimento da Grande Comissão abrigada pelo Grande Mandamento.
  • Fomentar as relações.
  • Conhecer mais de perto a riqueza cultural de cada organização.
  • Neste projeto (de tradução) vão ser muito importantes as alianças estratégicas com as igrejas evangélicas e instituições.
  • Ninguém pode trabalhar sozinho. Necessitamos trabalhar em equipe para conseguir grandes mudanças em prol da obra de Deus.

Sara Ypanaqué é Representante da Área de Relações Públicas de AEL Peru e Membro da atual Diretoria.

 

 

The following two tabs change content below.

Martha Claros

Diretora da Área de Comunicação - COMIBAM Internacional

Deixe uma resposta